Terra se deslocou por quase 2 metros em terremoto no sul do Japão, diz especialista

Falha geológica pode justificar a intensidade dos tremores no vilarejo Minamiaso

TRADUÇÃO: ANA LAURA KAWABE/ALTERNATIVA

350

Kumamoto

O forte terremoto de 7,3 graus de magnitude, que atingiu a província de Kumamoto na madrugada do último sábado, pode ter sido provocado por um deslocamento de 1,8 metro da falha geológica Futagawa, que possui 50 quilômetros de comprimento e 20 quilômetros de largura, informou a emissora NHK.
A conclusão partiu de uma análise feita pelo professor especializado em ondas sísmicas Yuji Yagi, da Universidade de Tsukuba. Ele utilizou dados geológicos do mundo todo e analisou também a falha geológica que provocou o tremor de 7,3 graus de magnitude na região.
Com o resultado da análise, é possível também que a falha geológica Futagawa tenha se estendendo por 10 quilômetros em sentido nordeste na província de Kumamoto. Este dado é mais elevado do que as informações divulgadas pelo Comitê de Análise de Terremotos do governo japonês até o momento.
Segundo os estudos do professor Yagi, esta falha geológica pode justificar a intensidade dos tremores no vilarejo Minamiaso, localizado na região nordeste da província. Em Minamiaso houve abalos sísmicos de até 6 graus de intensidade na escala japonesa, o que provocou grande destruição.
“As ondas sísmicas se amontoam na direção de descolamento da falha geológica, intensificando o tremor. Isto pode justificar os grandes danos sofridos pelo vilarejo Minamiaso”, explicou Yagi.
As falhas geológicas são rupturas em blocos de rochas que provocam o deslocamento das placas tectônicas na crosta terrestre. Essas falhas podem se estender por centímetros ou quilômetros em grandes profundidades.

Foto: Reprodução/NHK

Este conteúdo – assim como as respectivas imagens, vídeos e áudios – é de autoria e responsabilidade do Alternativa Online

Esse post foi publicado em Artigos e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s