Seminário Projeto Kaeru 2012

Após Toyokawa, foi a vez de Kikugawa, Iwata (ambos em Shizuoka ken), Oyama (Tochigi ken) e Joso (Ibaragui ken) receberem as nossas visitas. Foi bastante gratificante visitar e conhecer a realidade dessas cidades em que o Kaeru esteve pela primeira vez.

Pudemos observar no geral, uma aumento de crianças que vivem em lares multilíngues e multiculturais, pois casamentos interétnicos entre a população estrangeira no Japão, parece ter aumentado. Além disso, pudemos notar famílias em que um ou ambos os pais já foram para o Japão acompanhando seus pais há muitos anos, sendo assim, uma geração de pais que cresceram, casaram-se e estão criando seus filhos no Japão. Em muitas consultas particulares, em diversas cidades, pudemos observar também, o aumento de crianças com suspeitas de serem portadores de alguma necessidade especial. O diagnóstico desses ditos “distúrbios” devem ser vistos com muito cuidado, já que tanto os instrumentos de avaliação disponíveis aqui no Brasil ou no Japão, não parecem adequados, levando em conta que essas crianças nasceram e estão crescendo em um ambiente bastante peculiar e as normas utilizadas por esses instrumentos não podem prever essas peculiaridades por si.

Após voltar a Tokyo, estivemos na Embaixada e Consulado Brasileiro, além de uma rápida visita ao Rotary Ochanomizu que tem colaborado com o projeto há anos.

Confira as fotos:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Esse post foi publicado em Artigos e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s